Saiba como aumentar o faturamento da imobiliária

Em meio a instabilidade constante do mercado e a grande variedade de empresas no ramo imobiliário, tornou-se fundamental apostar em alternativas e técnicas de vendas para manter o faturamento e se desenvolver.

Saiba como aumentar o faturamento da imobiliária



Por isso, estar sempre visível para os consumidores é indispensável para criar novas oportunidades de negócio, aumentar as buscas por imóveis e melhorar a imagem da marca no mercado.

Nesse sentido, separamos neste post algumas estratégias para aumentar o faturamento da imobiliária e torná-la mais visível. Ficou curioso? Acompanhe!

1. Invista em marketing de conteúdo

Um dos princípios do marketing digital é a criação de conteúdo relevante. Aliás, essa estratégia vai muito além de oferecer produtos e serviços, mostrando-se algo fundamental para o cliente.

Os conteúdos, por sua vez, podem ser postados em blogs, sites, redes sociais e tratar de vários assuntos que estejam relacionados com o mercado imobiliário, nesse caso, a venda e compra de imóveis.

Além disso, é preciso explorar outras tendências, como a construção, a arquitetura, a segurança, e até mesmo os mínimos detalhes, como os equipamentos construídos com válvula reguladora de pressão em um imóvel, e a decoração, entre outros.

Na verdade, o que realmente importa é oferecer conteúdos de qualidade, que sejam informativos, relevantes e que respondam às dúvidas do público-alvo.

2. Conheça o público-alvo

Conhecer o público que consome e tem interesse nos produtos e serviços da sua marca é fundamental para aumentar o faturamento no mercado imobiliário. Nesse momento, é interessante traçar uma persona, definindo características demográficas, como:

  • Gênero;
  • Faixa etária;
  • Nível de escolaridade;
  • Localização;
  • Renda mensal;
Interesses (se buscam um imóvel com SPDA para raio, por exemplo).

Dessa forma, as ações de visibilidade devem, por sua vez, estarem direcionadas para o tipo de perfil escolhido.

Além disso, você precisa saber onde encontrar esse público. Lembra quando falamos do marketing digital? Então, ele é uma ótima ferramenta para direcionar essas ações no meio virtual como um todo.

Com isso, você consegue promover campanhas campanhas relevantes, atrativas e buscar formas de satisfazer a clientela.

3. Produza um site otimizado e relevante

A produção de uma página na web também garante a captação de novos clientes, o que reflete diretamente no aumento das vendas.

Nesse sentido, é importante investir na identidade visual da marca, apostar em técnicas de SEO e manter o site atualizado e repleto de conteúdos relevantes.

O site também deve ser otimizado, sem poluição visual e informações desnecessárias para que o acesso seja facilitado.

Os usuários devem ter uma boa experiência de navegação e conseguir estabelecer o primeiro contato com a imobiliária de forma simples, sem processos burocráticos. É importante também que ele se adeque aos dispositivos mobile, como o smartphone.

Pronto para aumentar o faturamento da imobiliária?

Por fim, é importante ressaltar que todos esses fatores devem estar alinhados com uma boa estratégia de negócio, vendas e com imóveis de qualidade e que atendam a necessidade do consumidor, como no caso de um produto como relé de proteção, entre outros.

Gostou de aprender um pouco mais sobre as dicas para ter sucesso na venda dos seus imóveis? Conta pra gente!

Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.



3 dicas de metas inteligentes para o mercado imobiliário

Se você atua no mercado imobiliário, então provavelmente já deve ter ouvido falar sobre o planejamento estratégico, certo?

3 dicas de metas inteligentes para o mercado imobiliário


Afinal de contas, uma imobiliária que ainda não traçou metas inteligentes e objetivos pode não ter tanto faturamento e nem a possibilidade de se desenvolver no mercado.

De forma rápida, o planejamento estratégico se trata do ato de pensar e fazer planos de forma estratégica. O plano auxilia nas estratégias para chegar a um objetivo, sendo assim, uma forma de empreendedorismo.

Ou seja, planejar de forma estratégica significa usar os recursos disponíveis de forma eficaz, aumentando o ritmo de produção do colaborador ou da empresa em geral.

Um plano eficiente, com metas e objetivos inteligentes de uma empresa do mercado imobiliário, deve considerar o ambiente interno, externo, concorrentes, definição de metas e quais resultados você quer obter.

Por essa razão, nós elaboramos este post e separamos alguns passos importantes ao montar o seu planejamento estratégico. Continue lendo!

1- Missão, visão e valores

A primeira dica para a definição de metas inteligentes é conhecer a missão é entender a missão e os valores da sua empresa. É extremamente importante que os funcionários da sua imobiliária conheçam a política cultural e use no seu dia a dia.

Isso é fundamental para o resultado do plano a longo prazo, visto que todas as decisões precisam estar de acordo com as crenças da imobiliária.

Sendo assim, se por acaso esses aspectos não foram especificados em sua imobiliária, é importante desenvolvê-los. Entenda cada um dos elementos:

missão: Se trata do motivo da imobiliária ser concebida e projetada; em outras palavras, é a razão pela qual ela existe;

visão: é o que a imobiliária deseja buscar no futuro. São aspirações, metas e objetivos;

valores: por último, os valores são as crenças e atitudes que darão o formato da empresa;

Também é muito interessante buscar exemplos de outras imobiliárias com esses valores muito claros.

Por exemplo, uma empresa de dobra de chapa tem como missão realizar serviços de extrema qualidade e sempre de acordo com as necessidades dos clientes.

2- Defina suas metas e objetivos

O resultado que você deseja e o caminho que vai percorrer é a segunda etapa para criar metas inteligentes em sua imobiliária.

É essencial que o seu negócio, nesse momento, tenha objetivos e metas claros em sua mente.

Os objetivos são os sonhos maiores, onde você realmente quer chegar. As metas são os resultados a curto prazo, aquelas conquistas menores que te impulsionam durante a jornada.

Se o objetivo é criar seu próprio cinto de segurança para altura primeiro você precisa da matéria-prima. A conquista de um recurso é uma meta.

As metas, na verdade, são definidas por um objetivo SMART, muito utilizado nas estratégias de marketing. Elas devem ser: específicas, mensuráveis, alcançaveis e um tempo definido.

3- Ambiente interno e externo

Uma das tarefas mais importantes de uma empresa do mercado imobiliário é conhecer o seu próprio negócio.

Questões como os recursos, colaboradores, produtos e instalações adequadas agregam grande valor, então não deixa de analisá-las.

O ambiente externo é outra questão que influencia na dinâmica empresarial. Crises financeiras, surgimento de novas leis e hábitos de mudança devem ser levados em consideração com antecedência.

Além disso, faça uma análise dos seus concorrentes. Observe em que ponto eles falham na venda dos seus imóveis, se possuem parceria com indústrias de sensor de temperatura e umidade, entre outros, por exemplo, e monte seu diferencial em cima disso

Agora que você já sabe sobre essas dicas e metas inteligentes para o mercado imobiliário, o que acha de segui-las e ter sucesso? Gostou do post?

Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.




Realidade virtual no Mercado Imobiliário: saiba como a tecnologia tem ajudado nas vendas

Você já sabe que as novas tecnologias são o alicerce para uma imobiliária bem-sucedida, não é mesmo?

Realidade virtual no Mercado Imobiliário:
saiba como a tecnologia tem ajudado nas vendas


Enquanto algumas tecnologias, como o ERP, auxiliam na automatização das rotinas de gestão, outros softwares, como a BIM, focam em prol de projetos mais eficientes e requisitados por profissionais.

No entanto, outra tecnologia que se tornou uma grande tendência do setor é a realidade virtual. Por sua vez, ela surgiu como uma das principais ferramentas-chaves para aumentar o faturamento das empresas, seja em comércios, indústrias de filtro de ar, e principalmente do mercado imobiliário.

O setor de imóveis é extremamente dinâmico, e por essa razão, a realidade virtual é uma tendência a ser adotada pelos corretores de imóveis.

Alguns exemplos dessa tecnologia são os aplicativos e tours virtuais 360%, por exemplo, que utilizam a realidade virtual para impactar de maneira positiva os consumidores, promovendo mais segurança e confiabilidade na hora de fechar um determinado negócio.

Quer saber mais sobre como a realidade virtual tem ajudado nas vendas? Então não deixe de nos acompanhar neste post! Vamos lá?

Realidade virtual: um contato mais eficiente com o cliente

Uma coisa temos que concordar: o cliente está cada vez mais conectado. Nos dias de hoje, ninguém gosta mais de levar para casa uma pilha de impressos, ou até mesmo estar horas em um atendimento presencial ou por telefone.

O tempo não se encurtou, mas o consumidor gosta e sempre opta por processos mais dinâmicos e otimizados. Sendo assim, eles preferem praticidade, documentos e propostas por e-mail, conversas por aplicativos de mensagens, entre outros métodos de vendas virtuais.

Por essa razão, a realidade virtual no mercado imobiliário é uma alternativa excelente para os gestores.

Uma empresa que trabalha com modernização de elevadores pode mostrar todo o seu serviço em questão de segundos com essa tecnologia, o que otimiza de forma espontânea o processo de vendas.

Imóveis abertos 24h por dia

Outra grande vantagem da realidade virtual no mercado imobiliário é que, com ela, os imóveis ficam abertos 24h por dia.

Isso, pois com os sistemas de realidade virtual, é possível fazer com que os clientes possam visualizar o espaço em 3D de forma remota.

Um determinado cliente pode realizar a visita da sua própria casa, em qualquer horário do dia ou da noite. Para isso, basta acessar o aplicativo da imobiliária e realizar o seu tour virtual.

Vale lembrar que a realidade virtual é uma tendência para todos os segmentos, até mesmo para os mais restritos, como em empresas de sensor de temperatura e umidade, por exemplo.

Os antigos métodos de venda estão por um fio

Hoje em dia, os métodos de divulgação atuais estão ficando como os métodos padrões para as empresas. Ou seja, as estratégias tradicionais de divulgação das imobiliárias estão ficando para trás.

Os métodos clássicos perdem cada vez mais para os espaços de tours virtuais em 360%, que permitem a visualização dos imóveis em todos os seus detalhes.

Agora que você já sabe como a realidade virtual tem ajudado nas vendas no mercado imobiliário, o que acha de se preparar para essa tecnologia e ter sucesso? Gostou do post? Conta pra gente!

Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.